Ciência Sem Fronteiras – Inscrição, Cursos

Inscrição Ciência Sem Fronteiras

Sabe o que é
Ciências Sem Fronteiras?  Este é um programa do Ministério da Educação (MEC) que tem o objetivo de propiciar a formação de recursos humano altamente qualificado nas melhores universidades e instituições de pesquisa estrangeiras que tem o objetivo de incentivar a internacionalização da ciência e da tecnologia nacional estimulando estudos e pesquisas de brasileiros no exterior, inclusive com o intercambio e mobilidade de graduandos (quem está fazendo curso universitário ou acabou de concluir). Veja a seguir como você pode fazer a inscrição no Ciência sem Fronteiras.

ciencia-sem-fronteiras

Além desses objetivos gerais, o
programa Ciência sem fronteiras tem objetivos específicos como: oferecer oportunidades de estudo a brasileiros que estejam em universidades de excelência, oferecendo a possibilidade de estágio programado de pesquisa e inovação tecnológica com acompanhamento; complementar a formação de estudantes brasileiros, dando a oportunidade a estes vivenciando experiências educacionais voltadas para a qualidade, empreendorismo, competitividade e inovação; possibilitar a formação com qualidade de uma força de trabalho técnico científica altamente especializada que é uma deficiência no Brasil; e permitir a atualização de conhecimentos em grades curriculares diferenciadas, possibilitando acesso as estudantes nas instituições de elevado padrão de qualidade.

Como dito anteriormente, quem pode fazer inscrição neste programa são os estudantes devidamente matriculados em cursos de graduação, graduação tecnológica ou engenharia em instituições da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica (IF) e também quem está matriculado na Universidade ou Faculdades de Tecnologia (FATECS). Para participar do Ciência Sem Fronteiras é necessário fazer o ENEM e fazer pelo menos 600 pontos.

Ao se inscrever no Ciências Sem Fronteiras se selecionado os candidatos aprovados são divididos em quatro grupos (A, B, B1 e B2) que será definido de acordo com o período de início da bolsa e o nível de conhecimento na língua inglesa (outro requisito para se fazer inscrição neste programa). Para avaliar este nível de conhecimento na língua inglesa o candidato deve ter passado anteriormente por testes de proficiência aceitos como o TOEFL –ITP ou TOEFL-iBT.

No caso do programa vigente, os aprovados no grupo A tem que ter a nota mínima para ingresso direto no curso de graduação irão permanecer nos Estados Unidos de janeiro a dezembro, sendo nove a dez meses dedicados aos estudos em tempo integral e tem ainda as atividades durante os meses de férias de verão por lá, não é mole não o treinamento do programa.

Confira também: Programa Educa Mais Brasil

Os bolsistas do Grupo B permanecerão nos Estados Unidos de agosto/setembro e de junho/julho, sendo também de nove a dez meses dedicados a estudo integral e acrescido de atividades obrigatórias após o término do ano acadêmico que pode ser desde um estágio ou inovação tecnológica em indústria, centro de pesquisa ou laboratório da própria instituição do treinamento.

Demais detalhes acesse o edital do Programa Ciência sem fronteira e quem sabe se torne um cientista promissor, para acessar o edital e fazer a sua inscrição no Ciências Sem Fronteiras acesse: www.cienciasemfronteiras.gov.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *